" Criei um aparelho para unir a humanidade, não para destruí-la. " - Santos Dumont

" Um prisioneiro de guerra é um homem que tentou matá-lo, não conseguiu e agora implora para que você não o mate. " - Winston Churchill
" Não sei como será a terceira guerra mundial, mas sei como será a quarta: com pedras e paus - Albert Einstein
" O objetivo da guerra não é morrer pelo seu país, mas fazer o inimigo morrer pelo dele - George S. Patton. "
" Só os mortos conhecem o fim da guerra " - Platão
"Em tempos de paz, os filhos sepultam os pais; em tempo de guerra, os pais sepultam os filhos." - Herodes

sábado, 31 de julho de 2010

McDonnell Douglas F-4 Phantom II

Tipo: Caça, interceptador e bombardeiro
País de origem: Estados Unidos Fabricante: McDonnell Douglas
Primeiro voo: 27 maio de 1958
Inicio do serviço: 30 dezembro de 1960
Status: cerca de 631 aviões estão estocados pela Força Aérea Americana, a partir de 2010 serão usados como aviões não tripulados.
Primeiros usuários: Força Aérea, Marinha e Fuzileiros Americanos
Produção: 1958 a 1981 com cerca de 5.195 aviões produzidos
Custo unitário: US$ 2.4 milhões versão F-4E, sendo cada hora de voo a um cusro de US$ 6.178
Tripulação: 2
Comprimento: 19.2 m
Envergadura: 11.7 m
Altura: 5.0 m
Aréa das asas: 49.2 m²
Peso vazio: 13.757 kg
Peso carregado: 18.825 kg
Peso máximo de decolagem: 28.030 kg
Peso máximo de pouso: 16.706 kg
Motores: 2 turbinas General Electric J79-GE-17A, 8.094 kg de empuxo
Capacidade de combustível: 7.549 litros ou três tanques externos com 12.627 total
Velocidade máxima: 2.370 km/h a 12.190 m
Velocidade de cruzeiro: 940 km/h
Alcance de combate: 680 km
Alcance máximo: 2.600 km com 3 tanques extras de combustível
Altitude de serviço: 18.300 m
Razão de subida: 210 m/s
Distância para decolagem: 1.370 m com peso de 24.410 kg
Distância para pouso: 1.120 m com peso de 16.706 kg
Armamentos: 8.480 kg de armamentos em 9 pontos, podendo transportar uma gama de armas com 6 pods Matra com 18 foguetes SNEB de 68 mm cada, 4 misseis AIM-7 Sparrow, 4 misseis AIM-9 Sidewinder, misseis AIM-120 AMRAAM, misseis japoneses AAM-3 e misseis Skyflasu britânicos. F-4s do Irã utilizam misseis russos e chineses, 1 canhão M61 Vulcan de 20 mm com 640 cartuchos, já para ataques a alvos móveis o F-4 pode levar 6 misseis AGM-65 Maverick, 4 misseis AGM-62 Walleye, 4 misseis AGM-45 Shrike ou AGM-88 HARM ou AGM-78 Standard ARM, já para bombardeios a configuração pode ser 4 bombas GBU-15, 18 bombas Mk.82 ou GBU-12, 5 bombas Mk.84 ou GBU-10 ou GBU-14, 18 bombas CBU-87 ou CBU-89 ou CBU-58 e finalmente uma opção de pod com 1 canhão SUU-23/A de 20 mm.

O F-4 Phantom é um caça-bombardeiro biplace, supersônico de duas turbinas, para qualquer tempo, de longo alcance, que teve seu desenvolvimento inicial para a Marinha Americana. Aprovado pela Marinha em 1960, e em seguida pelos Fuzileiros e Força Aérea Americana. Em 1959 bateu 15 recordes mundiais, incluindo recorde de velocidade e altitude. O F-4 foi muito usado pelos Estados Unidos durante a guerra de Vietnã, sendo um çaça de superioridade aérea, ataque ao solo e reconhecimento, durante os anos 70 e 80, os F-4 foram substituidos por F-15 Eagle, F-16 Fighting Falcon, F-14 Tomcat e F/A-18 Hornet. Os F-4 Phantom II permaneceram em uso pelos americanos no papel de reconhecimento e supressão das defesas aéreas inimigas na Guerra do Golfo em 1991, deixando finalmente o serviço em 1996. Foram usados pelos Thunderbirds e os Blue Angels. Foi exportado para 11 países, usados em combate por Israel contra os Arábes, pelo Irã contra o Iraque. Os Phantoms permanecem em serviço em sete países e como alvos não tripulados pelos estados Unidos, o F-4 foi o caça americano mais produzido com 5.195.
Até na aréa civil o F-4 foi usado, em testes de ruídos elétricos e colisão contra estruturas de usinas nucleares, para saber oque acontece quando um avião colide contra paredes de concreto destes lugares. Um avião F-4D (registo civil NX749CF), é operado pela fundação Massachusetts uma organização sem fins lucrativos, com intuito de manter viva a história da aviação, com donativos o avião é mantido em condições de voo, baseado em Houston, Texas, Estados Unidos. A NASA adquiriu um F-4 Phantom II/A em 3 dezembro de 1965, usado em vários testes que levavam a aeronave ao extremo, afim de conseguir dados para seus programas espaciais. De 1983 a 1985 a NASA usou um F-4C em seus estudos, posteriormente foi devolvido a Força Aérea Americana.

Nenhum comentário:

Videos de aviões

Loading...